(os textos assinados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores)

Leia aqui a homenagem da Fundação António Quadros a António Telmo.



sábado, 21 de fevereiro de 2009

A PONTA DO VÉU, 2

Fotografias. São de Tiago Sobral Cunha as que poderá encontrar no primeiro número dos Cadernos de Filosofia Extravagante. O motivo dominante serão as árvores. Como a filosofia, elas desdobram-se em ramos e crescem para a luz. E se, por vezes, o nevoeiro as envolve, é porque o mistério persiste.

Tiago Sobral Cunha nasceu em Lisboa em 1969. Designer formado pelo IADE, mas também desenhador e fotógrafo, especializou-se no desenho com recurso a aparelhagens informáticas. É autor do grafismo de diversos livros e outras publicações, disso sendo recente exemplo a concepção da capa de Filosofia do Ritmo Portuguesa, de Rodrigo Sobral Cunha, editado pela Serra d'Ossa.

Sem comentários:

Publicar um comentário